Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



ILUSTRA_09-01.png
®Teresa Serrano

Antes da existência de um Pingo Doce ou Minipreço a cada esquina, quem não se lembra de ir comprar 100 gramas de fiambre para pôr numas sandes de papo-seco na mercearia do bairro?
Eu lembro-me perfeitamente. E mais! Lembro-me sempre do cheiro bom a charcutaria variada e da manicure pouco cuidada da Tininha que me apontava o naco Nobre forno de lenha ou o Sicasal habitual para eu escolher. A espessura das fatias foi também uma arte que afinei com o tempo - "quanto mais finas, melhor!" - já dizia a Tininha. Quando nos tornávamos clientes do costume, tinhamos direitos a exigências pessoais que só se conseguiam com uma ida diária ao estabelecimento. E a Tininha, com as suas argolas rosa shock (acabadinhas de sair do pacote de batatas fritas da Matutano) lá nos fazia a conta na calculadora com rolo - das que fazia barulho ao registar - e entre a azeitona que ia petiscando para matar o bicho, dava-nos o troco em pastilhas da Super Gorila e ainda nos avisava - Olha que vou dizer à tua mãe que levaste o troco em pastilhas para não haver cá confusões para o meu lado!

A Tininha era a típica wannabe Madonna que fez o 12º ano à noite e que gostava de ir para as boates com o seu outfit de renda preta integral. Entretanto, aos 17, conheceu o Cajó (de quem teve uma filha - a Cátia), mas só contou aos pais quando a gravidez já estava perto dos sete meses de gestação (a moda de usar leggings com camisolas XXL ajudou bastante). Uma rebelde sem causa (digo eu!), que ainda se faz notar pela madeixa verde que lhe permanece na franja aos 45.

 

Moral da Estória:
Gelinho é a mais avançada técnica para não deixar as Tininhas na mão.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Imagem de perfil

De Mário Botelho a 15.01.2015 às 22:07

Um Tag "cajó" vez valer, ainda mais, a minha vinda aqui!

Comentar post



Um blog de experiências do dia-a-dia com um toque de sarcasmo e ilustrado por uma designer que " Quando-for-grande-quer-ser-ilustradora".


Tradução/Translate


I Saw Jesus in a Toast

Blogs

Tumblr


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Bloglovin